Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4
Acessibilidade 5 Alto contraste 6

Vereadores comentam a Pandemia do Coronavírus

Publicado em 17/03/2020 às 14:34 - Atualizado em 17/03/2020 às 14:39


Créditos: Brasil Escola Baixar Imagem

O Vereador Wison Frozza comentou no Momento do Presidente a respeito da pandemia do coronavírus. Disse que infelizmente muitas pessoas irão contrair o vírus, que está presente no país inteiro. “Não precisa as pessoas se precipitarem, que tenham calma, seguindo os cuidados básicos que os órgãos de saúde pedem, sem aglomerações ou viagens desnecessárias”.

Citou ainda que muitas vezes as mídias exageram deixando a população desesperada. Mas que a proteção é importante sim, com cautela, principalmente nos casos onde podem afetar as pessoas consideradas de maior risco de contágio. “Isso não é o fim do mundo. Temos que acreditar em Deus e fazer nossa parte. Passaram tantos outros vírus e depois de um tempo desapareceram, e com fé esse também será assim”.

A Vereadora Terezinha Danielli Lorenzetti comentou sobre o adiamento da festa em comemoração aos 70 anos da Escola Kyrana Lacerda, no 21 de março pela pandemia do coronavírus. “Devido à preocupação das pessoas com essa epidemia, tem-se sim que se tomar providências[...] A gente percebe que é algo sério, aonde precisamos nos precaver, seguindo as orientações nesse período crítico. E parabenizo a direção da escola por essa atitude”.

Disse que a população deve ler e se informar sobre esse vírus, mas sem se desesperar, pois como as outras epidemias tiveram soluções e vacinas, nessa também será encontrado uma saída.

O Vereador Edivaldo Marques leu um comunicado da FECAM emitido pelo Governo do Estado de Santa Catarina, disponível na íntegra no site: https://www.fecam.org.br/noticias/index/ver/codMapaItem/74947/codNoticia/606128, aonde confirma a suspensão das aulas no sistema de ensino de redes públicas e privadas do estado, a partir do dia 19 de março, por um período inicial de 30 dias.

O Vereador Elielson Presotto também citou o adiamento da festa de 70 anos na Escola Kyrana Lacerda e das programações no decorrer da semana, devido ao surto do coronavírus, algo inesperado, mas muito importante a todos para prevenção.

Comentou sobre a Dengue, que também é preocupante, já que no município já foram encontrados focos do mosquito transmissor. Mas que não há como usar venenos, sem que haja algum caso confirmado, o que é inaceitável. “Tem o mosquito, é consequência picar alguém. Mas não se pode fazer nada sem ter uma pessoa infectada com a doença”.